Solistício de Verão


Honra a tua luz interior


O solstício de verão chegou e com ele a lembrança de celebrar a luz nutritiva do Sol e a luz dentro de cada um de nós.


Durante o solstício de verão, o Sol atinge o ponto mais alto no céu e nos oferece o dia mais longo do ano.

Este ponto marca a segunda fase da jornada da Terra ao redor do Sol, que começa com o Equinócio da Primavera.

Energeticamente, é parecido à Lua Crescente, o que significa um momento para nutrir as sementes plantadas na primeira fase.


Durante séculos, as pessoas reconheceram o poder de se alinhar com as fases anuais do Sol, honrando os Equinócios e Solstícios e construindo monumentos, como Stonehenge, em sua homenagem.


Quando a luz do Sol rompe a escuridão no dia do solstício de verão, ela atinge este monumento diretamente no centro, iluminando cada pilar como uma ferradura mágica. Durante o Solstício de Inverno, o sol põe-se diretamente entre as maiores pedras deste misterioso pedaço da história. Muitos outros monumentos e maravilhasa ancestrais, incluindo as Grandes Pirâmides do Egito, também se alinham com as quatro fases do Sol, mostrando a importância desses tempos para as civilizações em todo o mundo.


O que poderia ser tão importante nestes momentos do ano para que pessoas dedicassem uma vida inteira a construir estes monumentos para honrar estas passagens?




O ciclo do Sol representa o ciclo de nossas vidas e reflete o fluxo natural de energia que se move para dentro e para fora.


Há tempos para crescer, tempos para pausar, tempos para perder e tempos para aprender.


Assim como nos alinhamos com a jornada da Lua todos os meses, podemos nos alinhar com a jornada do Sol ao longo do ano.


Nos dias de hoje sabemos que é com o movimento da terra e não do sol que estamos alinhados, mas ainda assim não deixa de ser um ciclo poderoso a ser honrado.



Enquanto o Equinócio da Primavera inicia esta jornada e representa novos começos, o Solstício de Verão representa o próximo passo deste ritmo divino.


Ele acontece sempre no início da temporada do Sol em Carangueijo,um signo que gosta de nutrir o lar , a família e estar sossegado no seu canto. Assim o Solstício de Verão lembra-nos de voltarmos para dentro e encontrarmos o alimento necessário para crescer e evoluir.



É um momento de fazer uma pausa e esperar que a energia plantada na primavera atinja a plena floração.


Se a primavera representa ação, o verão representa paciência. Devemos desenvolver segurança e confiança em nós mesmos de que o que colocamos em movimento anteriormente está correto, mesmo que passemos por alguns momentos difíceis.

O nosso percurso está definido neste ponto, precisamos apenas alimentá-lo e encontrar propósito dentro do seu processo.


O solstício de verão representa a transição da ação para a alimentação, que é exatamente o que o Sol nos dá durante as longas noites de verão, tanto para nossas colheitas reais, mas também para a jornada contínua que percorremos da escuridão para a luz.


O verão lembra-nos que há esperança no mundo, que a luz interior pode ser espalhada até os confins do mundo e inspirar outras pessoas.


Podemos nutrir os outros, assim como o Sol nos nutre.